AS MELHORES DICAS PARA A SUA EMPRESA!

Assessoria jurídica: definição e aplicação nas empresas

Assessoria jurídica: definição e aplicação nas empresas

Serviço essencial em uma empresa, a assessoria jurídica previne gastos extras com processos jurídicos em curto, médio e longo prazo, aconselhando o gestor como proceder conforme a legislação.

No mercado de trabalho, o foco do gestor está em tomar decisões que otimizem seus gastos, portanto, estar bem amparado no quesito jurídico é fundamental para que seus negócios cresçam e se consolidem. 

Assessoria jurídica

Tendo em mente a necessidade de aconselhar o empresário para agir conforme a lei, a assistência conta com advogados de diversas especialidades, todas cruciais para o bom andamento da organização.

Essa tem se configurado como a maneira mais inteligente de gerir uma empresa, em que cliente e assessoria jurídica trabalham juntas para prevenir ou solucionar problemas jurídicos.

Assim, cresce cada vez mais, o número de procura pela ajuda jurídica para acompanhar os passos da instituição, livrando-as de prejuízos e buscando por benefícios legais.

Agir de modo preventivo, gera segurança para as ações da empresa, minimizando os recursos empregados para resolver problemas já criados. Trata-se de um gasto estratégico investir mensalmente no aconselhamento jurídico, em vez de desembolsar grandes somas de dinheiro com processos ou multas.

Consultoria

Muitos ficam em dúvida em contratar a assessoria jurídica ou consultoria por não entender a diferença entre elas. Com propósitos diferentes, a consultoria desempenha um papel reativo aos problemas criados.

O consultor jurídico orienta, aponta diretrizes para melhorar a atuação da empresa, mas não faz o acompanhamento contínuo, como ocorre no assessoramento.

Após identificar um litígio, a consultoria dá todo o respaldo para que a empresa volte a atuar na legislação, então o papel do consultor se encerra.

É uma ação mais pontual e teórica, com o objetivo esclarecer o problema e sua solução, sem a necessidade de atuar sobre ele para corrigi-lo, ou seja, gera um parecer técnico a partir do estudo do caso. 

Tipos de serviços

Em ambas as atuações, o gestor poderá contar com a ajuda em diversos profissionais com especialidades diferentes, visto que, a área jurídica disponibiliza uma gama de serviços:

  • Segurança jurídica: adequação à jurisprudência, tornando o local apto para receber a fiscalização de um órgão regulador;
  • Determinar maneiras administrativas de eliminar conflitos;
  • Prevenção de gastos com contencioso: agir antes para não sobrecarregar as contas;
  • Planejamento estratégico: executar medidas para diminuir custos;

No dia a dia da organização, a assessoria jurídica traz o conhecimento técnico para dentro da empresa, aumentando a segurança das medidas tomadas em prol de evitar danos financeiros e reduzir erros.

Por intermédio de advogados, o gestor é orientado para a abertura da pessoa jurídica, a divisão societária, elaboração de contratos, disputas judiciais, ou seja, ações corriqueiras que podem prevenir gastos quando feitas segundo a legislação.

Apesar do grande benefício proporcionado às empresas por meio da assessoria jurídica, não são apenas pessoas jurídicas que podem contratar esse tipo de assistência, pessoas físicas também podem se favorecer ao recorrer a esses serviços para serem representadas em processos trabalhistas, averiguar seus direitos ou receberem sugestões para atuarem conforme a lei.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *