Como começar uma carreira como síndico profissional

carreira-sindico

Os condomínios hoje possuem uma maior complexidade de administração, seja ela causada pelo seu tamanho, número de áreas comuns ou funcionários. Logo, a função exige cada vez mais estudo e profissionalização. Atrelado a isso, temos moradores desinteressados em serem síndicos por conta do tempo necessário de dedicação para fazer a administração do condomínio.

Neste cenário, há um crescimento exponencial por síndicos profissionais. Ou seja, terceirizar a atividade de síndico, em que o condomínio contrata um profissional capacitado para cuidar de toda a administração do condomínio.

Você pode estar se perguntando, mas a lei permite isso? Sim! Desde 2002, o Código Civil permite que o síndico não seja um condômino.

Caso você tenha interesse em ser síndico profissional, confira abaixo as dicas de como iniciar uma carreira de síndico.

Capacite-se

A profissão de síndico não é regulamentada. Isso significa que não é necessário ter uma formação em curso superior para exercer a atividade. Mas, isso não quer dizer que não é necessário estudo. É sim muito importante que o síndico esteja preparado e munido de conhecimento para enfrentar as diferentes atividades do dia a dia.

 

Visto que o síndico atuará em diferentes áreas, é interessante que ele busque conhecimentos em administração, contabilidade, legislação condominial. Bem como, educação técnica sobre hidráulica e elétrica.

Divulgue o serviço

Sempre que se está iniciando uma nova carreira ou empreendimento, é um desafio fechar o primeiro cliente. Você ainda não tem uma vasta experiência no assunto ou então não conhece como as coisas funcionam na prática.

 

Para conquistar o primeiro condomínio para administrar como síndico profissional, é possível conversar com amigos e familiares para verificar a possibilidade de oferecer os serviços para o condomínio onde moram. Ou se você mora em condomínio, pode oferecer o serviço para o empreendimento no qual é morador.

 

Além de buscar indicações, é possível divulgar o serviço de síndico na internet. Para isso, em primeiro lugar, você precisa ter um site. Lá você pode expor melhor suas propostas e modos de trabalho.

 

Ainda na internet, utilize das redes sociais para promover seus serviços e divulgar as novidades. E invista em anúncios tanto nas redes sociais como no próprio Google. É possível segmentar o público que você deseja atingir de acordo com a sua localização.

Apresente propostas

Após uma conversa para compreender as necessidades de um determinado condomínio e as expectativas dos moradores, apresente uma proposta de acordo com o que foi falado. Essa é a hora em que é preciso ser objetivo e extremamente claro quais serão as responsabilidades, atividades e seus respectivos prazos. Ao final da proposta, anexe também o contrato de prestação de serviço para que os moradores possam analisar e estarem cientes de tudo que é relacionado às relações de trabalho.

 

Um síndico profissional pode (e deve) administrar mais de um condomínio ao mesmo tempo. Após conseguir o primeiro condomínio, é possível ajustar a proposta e vender melhor o seu serviço, uma vez que você já sabe melhor quais são seus pontos fortes e fracos em relação à administração condominial.

 

Para facilitar a rotina como síndico profissional, é fundamental que o síndico tenha ferramentas para lhe auxiliar, como um sistema para gestão de condomínios. Atualmente, existem no mercado diversos aplicativos e softwares onde o síndico consegue, pelo celular ou pela web, acessar os condomínios e saber rapidamente o que está acontecendo. Esse tipo de ferramenta facilita a gestão dos processos do dia a dia do condomínio e centraliza a comunicação com funcionários, conselho fiscal e moradores do condomínio.

 

Para mais conteúdos sobre a vida em condomínio, acesse o blog do Townsq!

 

Veja também

Leave a Comment