AS MELHORES DICAS PARA A SUA EMPRESA!

Como calcular o CPC investindo em Google ADS

Como calcular o CPC investindo em Google ADS

Todo mundo que trabalha com anúncios no Google precisa aprender como calcular o CPC para melhor gerenciar as suas campanhas. Afinal, sem o controle de métricas que a plataforma oferece, fica difícil otimizar as ações futuras.

No entanto, não são todos que trabalham com links patrocinados que sabem como fazer uso de uma das mais importantes métricas do sistema.

Os profissionais de agências de marketing sabem e é por isso que, na média, suas ações são mais otimizadas e geram melhores resultados.

No entanto, os pequenos e médios empreendedores que querem anunciar no Google Ads também podem alcançar resultados parecidos. Basta saber como calcular o CPC e começar a otimizar suas estratégias.

Quer saber como fazer isso? Então siga a leitura abaixo!

O que é o Custo por Clique no Google AdWords?

O CPC (Custo por Clique) é uma das métricas mais importantes de uma campanha no Google Adwords. Como o nome indica, ele mede o custo de cada clique obtido pela estratégia.

Com isso, é possível calcular a eficácia de uma campanha, assim como começar a elaborar medidas e Testes A/B para otimizar a estratégia e obter resultados cada vez melhores. Não à toa, é uma métrica que todo profissional de Marketing Digital acompanha com afinco.

Quer saber como calculá-lo? Veja o próximo tópico.

Como calcular o CPC da sua campanha no Google?

Para saber como calcular o CPC, não é preciso ser um grande gênio do marketing. Afinal, dentre todas as importantes métricas e indicadores de desempenho de uma campanha, o CPC é o que tem a fórmula mais fácil de decorar.

Para saber como calcular o CPC, basta aplicar a seguinte fórmula:

  • CPC = Custo da campanha / Número de cliques

Viu? Não tem mistério. Para achar o CPC, basta dividir o custo da campanha pelo número de cliques obtidos.

É importante lembrar que o CPC é uma métrica mediana. Ou seja: indica a média de um determinado item, no caso, os cliques da ação.

Isso porque o Google AdWords funciona em um sistema de leilão: você estabelece um valor máximo e um mínimo por cada clique e o Google separa as pessoas com base na tendência de clicar naquele anúncio.

Então, quanto maior a tendência de clique e conversão, mais valiosa é aquela pessoa e mais caro o seu clique.

Sendo assim, o algoritmo do Google faz um ranqueamento simples na hora da pesquisa e decide quem aparecerá primeiro para aquela pessoa.

Na prática, isso faz com que cada clique tenha um valor diferente. Pois é: uma pessoa pode custar R$0,30 enquanto outra pode custar R$1,00 dependendo do segmento e da propensão para fechar negócio.

O CPC, então, traz o custo médio dos cliques para melhor gerenciamento da campanha por sua parte.

Exemplo prático

Quer ver um exemplo prático de como funciona o CPC e como calculá-lo? Então vamos lá!

Suponha que você seja dono de uma loja de carteiras de couro. Todas as peças são artesanais e feitas com o melhor material possível. Por isso, você quer anunciar no Google AdWords para arranjar clientes.

Fazendo uma pesquisa básica, você decide por fazer uma campanha para a palavra-chave: “carteira de couro”. Você investe R$500,00 para uma campanha de uma semana, sabendo que cada carteira custa R$300,00. Ou seja: você espera vender várias para poder compensar o anúncio.

Depois de uma semana, você registrou um total de 1250 cliques na sua campanha. Dessas 360 pessoas, 15 se tornarão clientes e compraram carteiras de couro, gerando um faturamento de R$4.500,00. Nada mau, não é mesmo?

Mas qual foi o CPC do seu anúncio? Vamos descobrir aplicando a fórmula que vimos antes:

  • CPC = Custo da campanha / Número de cliques;
  • CPC = R$500,00 / 360;
  • CPC = aproximadamente R$1,39.

Ou seja: você precisou pagar, em média, R$1,39 para cada clique obtido. Como sua taxa de conversão foi de 24%, em média você precisou de mais ou menos 4 cliques para vender uma carteira. Ou seja: cada venda custou R$5,56.

Para que serve saber o CPC dos links patrocinados?

Saber o CPC das suas campanhas é essencial para calcular o ROI (Retorno Sobre Investimento) e precificar adequadamente os seus produtos.

No exemplo anterior nós vimos que a campanha precisou “gastar” R$5,56 para vender uma carteira de R$300,00. Não é um resultado ruim, pelo contrário, mas é algo que pode ser precificado.

Além disso, mostra se há a necessidade de otimizar a campanha. Imagine que o custo por clique fosse de R$10,00 e a taxa de conversão fosse a mesma. O custo por carteira seria de R$40,00. Muito mais alto e prejudicaria a margem de lucro.

Por isso, seria possível montar testes de anúncios com pequenas modificações na imagem, título e CTA. Comparando os CPCs, o anunciante identificaria as opções mais otimizadas e poderia investir maiores quantidades em anúncios mais eficientes, para vender mais e gastar menos.

E aí, aprendeu como calcular o CPC? Então não esqueça mais dessa importante métrica quando for anunciar no Google Ads.

Você já sabia da importância do CPC em uma campanha de links patrocinados? Conte pra gente nos comentários abaixo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *