Empresário, você analisa sua empresa?

Analise de empresa

 

Com o mercado cada vez mais competitivo faz-se necessário que o empreendedor utilize toda informação disponível para ajudá-lo na gestão de sua empresa. E você empreendedor, faz análise de sua empresa? É recomendável que uma análise da empresa seja feita periodicamente.

O motivo é simples: no dia-a-dia do negócio as atividades vão sendo realizadas, os problemas surgem e parte deles é solucionado e outra parte fica sem solução, as oportunidades de melhorias também aparecem e, principalmente, o mercado sofre mudanças e impacta a gestão e os negócios da empresa. E rapidamente aquela visão da situação da empresa que os gestores tinham já não confere com a realidade. Daí a importância de frequentemente analisar a situação da empresa.

Seguem algumas análises que você pode fazer para melhorar os resultados de sua empresa.

Ter uma visão realista da empresa

Ao realizar uma análise verdadeira e profunda da situação da empresa, surgirá uma visão realista sobre como ela se encontra (não devemos fazer aqui como gostaríamos que ela estivesse – lembre-se visão realista por pior que seja). Ter essa visão é fundamental para gerenciá-la com qualidade e aproveitar as melhores oportunidades.

Muitas empresas possuem uma má gestão por tentarem gerenciar algo que não confere com a realidade, enquanto o cotidiano operacional da empresa caminha para uma direção, os gestores imaginam outro cenário e tentam priorizar o que não condiz com o dia-a-dia. Ao analisar a empresa e adquirir esse panorama atual e realista, surgem diversas oportunidades de melhorias que podem impulsionar os negócios e melhorar os resultados.

Conhecer os pontos de falhas (gargalos) atuais

Outro motivo para analisar a empresa é a busca por falhas, gargalos (limitadores) e riscos que a empresa possa estar enfrentando. Por vezes os profissionais da empresa caem na zona de conforto ou já não conseguem enxergar além daquilo que estão habituados.

É preciso periodicamente (o ideal seria continuamente) estudar os processos, os resultados, os indicadores, tudo o que a empresa está produzindo e deixando de produzir para identificar onde estão os gargalos. De certo, recursos poderão ser economizados ou melhor aproveitados.

Confirmar as forças e diferenciais do negócio

Aquilo que sua empresa afirma ser um diferencial e uma fortaleza do seu negócio de fato ainda prevalece? Ou esse diferencial e força foram definidos (ou não foram definidos) e impulsionados há anos, se tornou uma realidade e recentemente não foi mais analisado para verificar se continua sendo válido?

Durante uma análise empresarial é propício avaliar e confirmar as forças e os diferenciais do negócio. E se necessário, acender o sinal de alerta e tomar atitudes para se destacar no mercado novamente.

Identificar oportunidades de melhoria

Uma análise empresarial não serve apenas para identificar pontos negativos. É necessário e importante que toda empresa analise como está o seu desempenho e busque melhorar até mesmo aquilo que está indo bem. Se há risco da zona de conforto quanto aos problemas, também é possível se acomodar com os bons resultados que estão sendo alcançados, e isso não é bom.

Ao avaliar como cada departamento da empresa está gerando resultados é possível descobrir o desempenho, confrontá-lo com aquilo que é esperado pelos objetivos e estratégia, e identificar o que pode ser melhorado para gerar mais resultados positivos.

Adaptar-se ao mercado

Um motivo bastante simples para analisar a sua empresa é a necessidade contínua que todo empreendimento tem de se adaptar ao mercado.

É preciso tomar consciência deste fato: ainda que sua empresa não mude, o mercado continuará em evolução e isso impactará a sua empresa. Porém, se não há clareza sobre a situação atual da sua empresa, como poderá prepará-la para atuar bem no mercado? Aqui surge também a necessidade de acompanhar a evolução do mercado.

Elaborar planos de ação mais coerentes

Quando há um conhecimento mais claro e atual sobre qual a situação da empresa, obtido através da análise empresarial, torna-se mais fácil a elaboração de planos de ação para melhoria dos resultados e estes planos serão mais coerentes com as necessidades e objetivos da empresa.

É preciso tomar cuidado com o desenvolvimento de planos de ação que não levam em consideração a situação atual e real da empresa, baseando-se apenas nos objetivos que devem ser alcançados e no ambiente externo da empresa.

Agora que conheceu algumas dicas para analisar sua empresa, mãos à obra e sucesso. Grande abraço.

 

Autor convidado: Marcelo Zache da Gestão Ativa Consultoria

 

Veja também

Leave a Comment