AS MELHORES DICAS PARA A SUA EMPRESA!

Google AdWords ou FacebookAds: qual mídia é melhor para minha empresa?

Google AdWords ou FacebookAds: qual mídia é melhor para minha empresa?

 

Nas mídias tradicionais, os anúncios já são opções de publicidade bastante conhecidas. E, no universo virtual, também existem opções semelhantes, os chamados “ads”.

Entre os mais populares estão o Google Adwords e o Facebook Ads. Porém, apesar de conhecidas, essas opções costumam deixar muitas pessoas confusas, principalmente na hora de optar entre qual das duas investir.

Esse é o seu caso? Continue a leitura e saiba tudo sobre o assunto!

 

O que é o Facebook Ads e como ele funciona?

 

O Facebook Ads é a rede de anúncios do Facebook, e, embora existam opções semelhantes em outras redes sociais, esse ainda é o preferido de muitos especialistas em marketing digital, já que o Facebook é hoje a rede mais usada (e com maior taxa de retorno).

Esse tipo de ads é bem dinâmico e permite o uso tanto de textos, como de fotos e vídeos, redirecionando o público que recebe o anúncio tanto para a sua fanpage, como para o site da sua empresa.

Veja o exemplo:

 

facebookads

 

Diferente dos demais tipos de anúncios virtuais, o Facebook Ads possui um alto poder de segmentação, afinal, a maior parte dos usuários oferece uma vasta riqueza de detalhes na hora de preencher o seu perfil.

Essa segmentação mais alta permite, claro, que você potencialize os seus esforços e recursos, ficando mais fácil encontrar e falar com a audiência exata do seu negócio, aumentando as chances de sucesso das suas estratégias.

Além disso, por permitir o uso de recursos visuais como fotos e vídeos, os anúncios tendem a ser mais persuasivos do que os que contam com apenas texto, mexendo com outros sentidos do usuário.

 

Forma de pagamento:

 

O Facebook Ads funciona com o pagamento por cliques ou por visualizações, sendo que o último é feito a cada mil exibições do seu anúncio e pode ser também chamado de custo por mil (CPM).

 

Tipos de anúncio:

 

Outra vantagem é que o Facebook permite que você crie tipos de anúncios variados, que podem ser mais ou menos interessantes dependendo da sua estratégia. As possibilidades são:

  • post promovido: um post orgânico é capaz de atingir apenas uma quantidade pequena de pessoas que curtem a sua página, graças as alterações constantes nos algoritmos do Facebook. Assim, ao impulsionar uma postagem você faz com que um número maior dos seus seguidores consiga visualizá-lo no seu feed de notícias, aumentando as chances de engajamento com o seu negócio;
  • história patrocinada: esse é um tipo de anúncio exibido para os amigos de pessoas que já curtem a sua página e funciona como uma espécie de propaganda “boca a boca” virtual, mostrando as interações que os usuários estão tendo com a sua página (como compartilhando posts ou votando em enquetes, por exemplo).

Alcance:

 

Os anúncios no Facebook são direcionados para os usuários de acordo com o perfil determinado na campanha e também no comportamento dessas pessoas online.

Isso significa que, com uma boa estratégia de anúncios, é possível que um usuário entre em contato com o seu anúncio mesmo sem ter demonstrado ativamente nenhum interesse por algum tipo de conteúdo relacionado.

Assim, ele é bastante indicado para quem deseja capturar pessoas que ainda estão no estágio da descoberta, sendo que a conversão apenas acontece com anúncios extremamente atrativos.

 

O que é o Google Adwords e como ele funciona?

 

O Google Adwords é um tipo de anúncio do Google, também conhecido como “busca paga”. A cada ano esse sistema se torna ainda mais sofisticado e interessante, graças aos incentivos de pesquisa do Google e ao uso de tecnologias modernas como a inteligência artificial e a aprendizagem automática.

Nessa possibilidade, você poderá criar anúncios em texto que redirecionem para o seu site, um hotsite, uma landing page ou até para as suas mídias sociais.

Ele funciona da seguinte maneira: você criará um anúncio e dará um lance na palavra-chave escolhida. Cada vez que um usuário fizer uma pesquisa no Google para a palavra-chave em questão, o seu anúncio será exibido ao lado dos resultados orgânicos, em áreas de destaque da página.

 

Veja como funciona o valor do lance de cada palavra-chave:

 

google ads
Aqui você consegue pesquisar pela palavra chave desejada, ver a quantidade de pesquisa mensal que ela possui e o valor de seu lance. Além disso, o google mostra palavras relacionadas como opção.

Formas de pagamento e fator de ranqueamento:

 

Ao contrário do Facebook Ads, aqui você pagará por cliques efetivos. Outra diferença está no fator de ranqueamento, ou seja, quando um usuário faz uma pesquisa, os motivos que levam o Google a colocar um anúncio mais bem ranqueado que o outro.

Para o Google são importantes pontos como: a qualidade e a relevância do seu anúncio para o usuário que está fazendo a pesquisa (muito mais do que o budget da sua campanha).

Assim, aqueles anúncios que trazem uma melhor experiência ao usuário acabam ranqueando melhor e, claro, trazendo também melhores resultados aos anunciantes.

 

Rede de Pesquisa e Rede de Display:

 

Hoje, o Google Ads possui uma infinidade de possibilidades para que você torne as suas campanhas de anúncios muito mais efetivas, entre elas está a possibilidade de anunciar na rede de pesquisa ou na rede de display.

A rede de pesquisa é a mais conhecida e são aqueles resultados mostrados diretamente na página de buscas do Google. Por isso, nessa opção, apenas são permitidos os anúncios em texto.

Já a rede de display é composta de sites que participam do programa de afiliados do Google, além de outras redes do próprio Google, como o Google Shopping e o Youtube.

Esses anúncios têm a possibilidade de serem mais visuais, contando com imagens ou vídeos, ajudando a aumentar a persuasão do usuário.

 

Alcance:

 

O Google Adwords possui uma diferença significativa em relação ao Facebook Ads, já que apenas consegue atingir aquelas pessoas que estão buscando pela palavra-chave relacionada ao seu anúncio.

Isso significa que suas taxas de conversão são mais altas, já que esse é um público um pouco mais segmentado e decidido. Por outro lado, se o usuário não pesquisa pela palavra-chave que você escolheu, ele nunca verá o seu anúncio.

Além disso, muitas pessoas sequer sabem que possuem um problema, e por isso não pesquisam por possíveis soluções para elas, sendo difícil atingir esse público com o Adwords.

 

Google Adwords ou Facebook Ads: qual usar?

 

Depois de entender um pouco mais sobre as diferenças de cada um deles, você já deve estar mais propenso a responder essa questão, não é mesmo? Afinal, decidir entre um e outro dependerá muito da sua estratégia e dos seus objetivos.

Se você procura, por exemplo, por uma melhoria no resultado de vendas da sua empresa, o Adwords é mais indicado, porque tem uma taxa de conversão maior.

Por outro lado, se você deseja construir ou consolidar a sua marca e melhorar o relacionamento com os seus clientes, o Facebook Ads é a melhor solução.

Lembre-se, contudo, que não é preciso escolher entre um e outro. Uma boa estratégia digital é capaz de trabalhar com as duas ferramentas. O Facebook Ads gerando uma nova demanda para o seu negócio, e o Google Adwords atendendo a demanda que já existe, juntos ajudando a aumentar ainda mais a visibilidade do seu negócio!

A Biz2Digital é uma Consultoria em Marketing Digital de resultados, especializada em Inbound Marketing para pequenas e médias empresas. Somos parceiros e certificados na metodologia de Inbound Marketing e na plataforma RD Station.

 

Gostou do conteúdo? Leia também: Por que contratar uma agência para campanhas de mídia paga?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *