AS MELHORES DICAS PARA A SUA EMPRESA!

Marketing e TI: qual a importância de caminharem juntos?

Marketing e TI: qual a importância de caminharem juntos?

Hoje em dia já não é possível ignorar que nenhum empresário ou gestor pode subestimar a importância do marketing no dia a dia comercial de uma corporação. 

O que muitos ainda deixam de considerar é a convergência disso com a tecnologia.

De fato, a área de TI (Tecnologia da Informação) é muito mais recente do que o marketing, que na primeira metade do século vinte já começava a ser feito. 

No entanto, desde meados de 1990 que os dois campos se encontram gerando enormes avanços.

Hoje uma empresa de comunicação visual não pode deixar de lado, de jeito nenhum, alguns recursos como a informática e o BI, ou Business Intelligence, que é a Inteligência de Mercado como algo que impulsiona o marketing, levando ele mais longe.

Por isso, mostraremos não apenas a importância dessas duas frentes andarem juntas, mas também o papel e evolução dos softwares, aplicativos e da análise de dados nesse universo incrível.

Além disso, vamos aprofundar na funcionalidade de cada um desses departamentos, explorando também os impactos que isso pode causar no médio e longo prazo. 

Para entender melhor e mudar o rumo da sua empresa, basta seguir adiante.

Por que o marketing?

A funcionalidade do departamento de marketing vai além do que alguns costumam imaginar. 

Afinal, ele não se limita a fazer anúncios e divulgações, isso é papel da publicidade, que é algo muito mais prático e voltado para ações específicas.

O marketing se relaciona muito mais com campanhas abrangentes, além de envolver o branding, que é o esforço de definição da filosofia de uma marca, bem como do comportamento de seu público-alvo.

Afinal, se o ramo de atuação e qualificação de operação (suporte consultivo para análise da operação de indústrias e afins), quais são os famosos pilares de missão, visão e valores da marca?

Além disso, quais são os perfis da sua persona, isto é, os tipos de clientes ideais que seu esforço de comunicação pretende impactar?

É justamente nesse sentido que o marketing vai, e também por isso a tecnologia começa a ajudá-lo cada vez mais. 

Esse suporte pode oscilar por campos como o da aplicação de TI e de BI, até o das inovações como as da Inteligência Artificial.

Crescimento da área de TI

Vivemos a era da Indústria 4.0, da Conexão 5G e da automação residencial que já fala em geladeiras inteligentes, que avisam seu dono pelo celular quando um item acaba.

Diante de um cenário tão disruptivo, seria inconcebível que a tecnologia não acabaria mudando o comportamento dos clientes e consumidores em geral.

De fato, vender uma barraca para evento trinta anos atrás era drasticamente diferente de hoje, quando contamos com redes sociais, smartphones e plataformas digitais que permitem ao cliente qualificar em público como foi sua experiência.

É justamente nesse sentido que a tecnologia começa a andar de mãos dadas com o marketing, como modo de gerar uma experiência melhor para o cliente, customizar o atendimento e até gerar relatórios, métricas e análises de comportamento psicológico.

Tudo isso sem falar em funcionalidades ainda mais práticas, como gestão de trabalho remoto, computação na nuvem e até segurança de dados e informações.

Vantagens e benefícios

Por fim, até aqui já deu para perceber que há várias vantagens em fazer os setores de marketing e de TI trabalharem juntos. 

No entanto, é preciso aprofundá-las e sinalizar o modo de colocar isso em prática, para não ficar apenas na teoria.

A grande vantagem gira em torno do fortalecimento da marca perante o cliente e até a concorrência. 

Afinal, um marketing inteligente impacta muito mais pessoas, então se o cliente busca algo como escritório virtual, a empresa que o aplicar sairá na frente.

No médio e longo prazo isso torna o trabalho mais otimizado internamente, e externamente faz com que a marca se torne uma autoridade em seu segmento, como uma verdadeira líder de mercado.

Assim, a implementação desse tipo de tecnologias traz os seguintes avanços:

  • Otimização de tempo;
  • Automatização de processos;
  • Economia de recursos;
  • Valorização da empresa;
  • Fortalecimento da marca;
  • Qualidade de trabalho.

Ademais, um modo de começar isso seguramente é por meio da própria tecnologia. No caso, trata-se de softwares de integração de departamentos, como um ERP.

Sigla para Enterprise Resource Planning, essas plataformas automatizam, justamente, o Planejamento de Recursos Empresariais.

Conclusão

Em resumo, falar em marketing e em tecnologia significa tratar das frentes mais importantes em que uma empresa pode e deve investir.

Com as informações básicas e as dicas práticas que trouxemos acima, qualquer um pode entender a importância de ambos caminharem juntos, extraindo disso os melhores resultados.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *