AS MELHORES DICAS PARA A SUA EMPRESA!

Pesquisa de mercado: por que ela é importante para uma empresa?

Pesquisa de mercado: por que ela é importante para uma empresa?

Hoje em dia empresários e gestores já não podem ignorar a importância de conhecer melhor o seu segmento, e é aí que entra o papel da pesquisa de mercado, que todos precisam aprender a dominar.

De fato, uma das piores coisas que uma marca pode fazer é se fechar em si mesma, tanto no sentido de exaltar demais suas qualidades quanto no sentido de exagerar em seus defeitos. 

Para evitar tudo isso é fundamental abrir-se para o mercado. Também conhecido como benchmarking, esse tipo de abertura ou pesquisa permite medir-se por padrões objetivos e racionalizáveis.

Como uma fábrica de rótulos adesivos para embalagens, que pode entender melhor os prós e contras da sua operação, as vantagens e desvantagens de seus preços e prazos, bem como as expectativas dos clientes.

Por isso, decidimos escrever este artigo, explicando melhor como esse esforço deve ser feito, além de detalhar a importância que ele pode ter para uma empresa. 

Se você quer dominar esse assunto tão importante, basta seguir adiante.

Do que se trata, afinal?

Antigamente as grandes marcas contratavam grandes instituições para fazer pesquisas, levantamentos e até sensos demográficos, a fim de conhecer melhor seu mercado.

Um exemplo são as pesquisas do próprio IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), que ajudavam nesse ponto. 

Contudo, hoje o advento da internet permite que qualquer empresa faça um esforço parecido por conta.

Assim, uma empresa da área de letra caixa iluminada pode investigar o site e até as redes sociais da concorrência, junto entendendo melhor as estratégias daquela empresa e o comportamento dos clientes.

Além disso, a marca pode ser pró-ativa e abrir ela próprio pesquisas como enquetes, quizzes e vários outros meios de interação que também ajudam a compreender melhor o cenário.

Uma dica de ouro aqui é focar não apenas na pesquisa quantitativa, que implica o maior número possível de pessoas, mas também a qualitativa, que ajuda a filtrar apenas os perfis que têm sinergia com o seu negócio.

Por que fazer as pesquisas?

Nenhum empresário ignora o fato de que grande parte da sua rotina é pautada em reuniões com funcionários, parceiros e todo tipo de gente.

No fundo, tudo isso acaba obrigando o dono da empresa a fazer uma série de tomadas de decisões, seja para definir se o preço do totem de propaganda que a empresa vende vai ter de subir ou descer, seja para fazer corte de funcionários.

É justamente aí que está o ponto, pois sem pesquisas de mercado sólidas fica muito difícil decidir, já que acreditar apenas em um certo feeling não é o suficiente.

Em outras palavras, trabalhar às cegas é uma das piores coisas que um tomador de decisão pode fazer. 

Portanto, lançar mão dos devidos subsídios já nem é uma opção, mas questão de sobrevivência.

Se lembrarmos que hoje o mercado vive sua época de maior concorrência e desafios, tudo isso se torna ainda mais importante e urgente.

A importância e vantagens

Em termos de benefícios, o modo mais fácil de explicar as pesquisas de mercado está na relação que a marca passa a ter com seu público-alvo.

Se antigamente o foco recaia sobre dados demográficos como localização, idade e poder aquisitivo, hoje é possível ir muito além.

Por exemplo, um negócio que lida com qualificação de desempenho pode perguntar-se o seguinte:

  • Onde o meu cliente ideal está ?
  • Quais redes sociais ele mais utiliza?
  • O que chama sua atenção?
  • Ele curte que tipo de conteúdo?
  • O que ele ama em uma marca?
  • O que odeia que façam na negociação?

Enfim, esse tipo de questionamento só pode ser devidamente respondido por meio do benchmarking e da pesquisa de mercado bem feita.

O ideal é que após isso o pessoal do marketing desenhe dois ou três perfis, definindo melhor qual é a persona que a marca procura atingir.

Com isso ela ganhará muito mais assertividade, pois quando for criar qualquer campanha de publicidade ou executar qualquer ação, o seu esforço será muito mais direcionado e assertivo.

Lembrando que tudo isso não fica apenas na teoria, mas impacta no orçamento que será gasto mês a mês, além de se refletir diretamente nas vendas e na lucratividade.

Conclusão

Em resumo, falar em pesquisa de mercado equivale a falar de um dos esforços mais importantes que um empresário e seus gestores podem fazer.

Por isso mesmo, com as informações e dicas práticas que demos acima, vai ficar bem mais fácil e mais seguro entender qual a importância disso, ajudando a dar os primeiros passos na direção correta.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *