AS MELHORES DICAS PARA A SUA EMPRESA!

Quais fatores mais prejudicam a reputação de uma empresa no mercado?

Quais fatores mais prejudicam a reputação de uma empresa no mercado?

A reputação de uma empresa é um fator importantíssimo para crescer no mercado. Com a concorrência cada vez mais acirrada em qualquer segmento, considerar a importância do Employer Value Proposition é fundamental para montar uma estratégia de valor e aproveitar os ativos da empresa da melhor forma. 

Para ficar atento às ações do seu negócio, fizemos uma lista com os principais fatores que podem prejudicar a reputação da sua empresa. É importante entender que além de se preocupar com as finanças e com a produtividade, uma empresa precisa se preocupar com a sua imagem, se atentar a sua missão e valores. 

Por que cuidar da reputação do negócio é importante?

Se puxarmos pela memória, rapidamente iremos lembrar de inúmeros casos de empresas que foram do sucesso ao fracasso em pouco tempo. E tudo isso, na maioria das vezes, por conta de atitudes erradas ou por não saberem gerenciar crises. 

Erros de gestão, erros operacionais, falhas no atendimento e muito mais fatores podem dar início a destruição da reputação de um negócio. Não são apenas os grandes erros que afetam a autoridade da empresa, às vezes pequenos incidentes podem ir se somando e fazer com que a empresa perca credibilidade no mercado aos poucos, até que a situação acabe se tornando irreversível. 

Confira abaixo quais são os principais fatores que podem destruir a reputação de uma empresa:

Falha de comunicação 

Estamos na era digital onde o consumidor consegue ter um leque imenso de informações a todo o momento. Nesse sentido, a estratégia de comunicação e marketing de uma empresa precisa ser eficiente para cobrir redes sociais, site, atendimento e tudo o mais. E muitas organizações falham nisso, elas não conseguem dar o valor necessário à comunicação. 

O engajamento de clientes depende de uma comunicação forte. Toda empresa precisa saber os mais variados canais de comunicação para atrair, converter e fidelizar novos clientes. O problema é que muitas empresas não dão voz aos clientes e isso é uma falha grave na comunicação de qualquer negócio. 

Uma empresa que não tem canais de comunicação integrados e não gerencia com eficiência o atendimento ao cliente tende a criar uma péssima reputação no mercado, partindo das críticas de quem mais importante para o negócio: o consumidor. 

Produtos e serviços de má qualidade 

Esse é um fator bem óbvio e está ligado à questão do “não cumprir, o que promete!”. Se a sua empresa oferece produtos e serviços de má qualidade, ela está automaticamente destruindo a imagem que tenta construir no mercado. 

Muitos empreendedores focam em matérias-primas e contratação de mão de obra pouco qualificada para se lançar no mercado e isso é um grande erro. 

Os consumidores da era digital são bem mais exigentes e têm um poder de influência muito maior do que em outras épocas. Logo, quando não gostam de um produto/serviço, eles divulgam a péssima qualidade da empresa. 

De acordo com o guru do marketing, Philip Kotler, uma pessoa insatisfeita com um produto ou serviço conta a sua experiência para outras 11 pessoas. Hoje em dia, com redes sociais e informações acontecendo em tempo real, oferecer produtos e serviços de má qualidade pode fazer a empresa destruir sua reputação em poucos dias ou semanas. 

Não dar atenção às críticas dos consumidores 

A fidelização de clientes é um dos principais objetivos de qualquer empresa. Se pararmos para pensar, veremos que fidelizar clientes é muito mais barato do que atrair novos clientes. Muitos empreendedores acreditam que o trabalho vai até a compra do cliente e estão errados, ele deve continuar. 

O pós-venda é uma parte importante do processo de compra e em qualquer estratégia de marketing e vendas. E por isso é importante dar atenção às críticas dos clientes. Segundo Kotler, um cliente que faz uma reclamação, apesar de se mostrar insatisfeito, geralmente está disposto a continuar comprando da empresa, logo merece ser ouvido com atenção. 

Além disso, é importante entender que nenhuma marca nasce “perfeita”. Toda empresa precisa estar num processo de melhoria contínua e as críticas de clientes são ótimos parâmetros para otimizar serviços e afinar estratégias para crescer no mercado. Não dar atenção às críticas é uma forma de criar uma resistência contra a empresa, que impede o crescimento do negócio.

Alta rotatividade dos funcionários 

Fora os fatores externos, é preciso cuidar da empresa internamente e não estamos falando de finanças. Uma empresa que tem alta rotatividade de funcionários não costuma ter uma boa reputação. Geralmente, os clientes consideram isso como a queda de qualidade na empresa. 

E claro, sem falar que a empresa não consegue se sustentar com novos profissionais por não ser uma boa marca empregadora. Com a reputação “arranhada”, fica muito difícil fazer com que bons profissionais queiram trabalhar na empresa. E isso culmina na perda de talentos e numa mão de obra pouco qualificada, o que tende a refletir em outros fatores citados no texto. 

Estes são alguns dos principais fatores que podem prejudicar a reputação de uma empresa. É importante se atentar a estes pontos porque a autoridade e a credibilidade do mercado são fatores fundamentais para atrair, converter e fidelizar mais clientes para um negócio. 




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *