Descubra como ser um síndico muito mais produtivo

como ser um síndico muito mais produtivo

 

Quem se candidata a síndico será responsável pela gestão do condomínio e deve ter muita atenção, disciplina e conhecimentos básicos em áreas como contabilidade, legislação, administração e recursos humanos.

Mesmo para aqueles empreendimentos que optam por delegar funções mais técnicas, para administradoras condominiais não eximem seus síndicos das suas responsabilidades. Legalmente, quem responde pelo condomínio é o síndico. É  dever dele fiscalizar o trabalho das administradoras e conseguir fazer o meio de campo entre a empresa contratada e os moradores de forma eficiente.

Se você quer evitar eventuais problemas na sua gestão e tornar mais eficiente o seu dia a dia, confira as dicas que a TownSq preparou para fazer de você um síndico mais produtivo.

Conheça bem o condomínio

Conhecer bem o lugar que se trabalha é fundamental. Antes de tudo, estude bem o regimento interno do seu condomínio. Sua rotina se tornará muito melhor e mais fácil se as regras estiverem claras para você e para os condôminos.

O regimento interno faz parte dos documentos que colaboram no estabelecimento de regras de um condomínio, junto com o Código Civil e a convenção do condomínio. O regimento orienta os moradores sobre como agir e se relacionar nos espaços compartilhados.

Outra dica é conhecer os artigos de lei de sobre condomínios. A lista é extensa, compreendendo temas como direitos dos condôminos, eleição de síndico, assembleia e conselho fiscal. Aqui você encontra uma lista com os principais.

Por último, converse sempre com moradores e funcionários. Ouvir opiniões diferentes e falar com quem está diretamente ligado ao dia a dia do condomínio faz toda a diferença para uma gestão.

Organização é fundamental

Só quem já foi síndico sabe o quão fácil é se perder em meio a tantos documentos, atividades, mensagens e telefonemas dos moradores. Se não há organização, as burocracias diárias acabam consumindo todo o tempo e as obrigações só se acumulam.

Assim, aprender a priorizar é a chave para o sucesso! É extremamente importante para um síndico conseguir identificar e diferenciar o que é urgente do que é importante. Uma forma simples de diferenciar é a seguinte: importante é tudo aquilo que impacta o resultado.  Enquanto urgente é tudo aquilo que era importante na semana passada, mas acabou não sendo feito.

Mantenha a calma e analise tudo o que é vital para o funcionamento do condomínio, dando prioridade para aquilo que impacta diretamente o bem-estar do moradores. Agendas ou lista de tarefas, desde que usadas com disciplina, são seus melhores amigos, mas cuidado para não perder o foco.

Estabeleça horários de trabalho

Se você é síndico e mora no condomínio que administra, deve ser comum os moradores baterem na sua porta durante o seu horário de descanso. É justamente essa diferenciação entre horário de trabalho e de lazer que precisa ficar claro para os condôminos.

Para evitar ao máximo situações como esta, é necessário criar uma rotina como síndico – ainda mais se você exerce outras atividades profissionais. Portanto, estabeleça horários e dias de trabalho como  síndico.

Garanta também que seus moradores tenham uma linha aberta de comunicação com você, como um livro de ocorrências ou endereço de e-mail voltado apenas para isso. Evite ao máximo passar contatos pessoais.

Utilize a tecnologia ao seu favor

Além das boas e velhas planilhas de excel, agendas digitais e programas de organização, nos últimos anos diversas empresas de tecnologia têm se dedicado ao desenvolvimento de sistemas que facilitam a gestão e a comunicação entre condôminos e a administração do condomínio.

Armazenamento digital de documentos, canais de comunicação direta e privada, segurança e redução de custos são os principais motivos que têm levado síndicos e administradoras a aderirem a esse tipo de software nos últimos anos.

De forma geral, a adoção de novas tecnologias é geralmente a maneira mais fácil e prática para tornar mais eficiente processos de gestão, não sendo os condomínios uma exceção à regra.

 

Como você organiza sua gestão em condomínio?

 Para ficar por dentro de outros temas do dia a dia em condomínio, acesse o nosso blog!

 

Postagens relacionadas

Veja também

Leave a Comment